Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
24/03/16 às 18h57 - Atualizado em 19/09/19 às 15h48

Mais da metade dos estudantes agendados para esta quinta (24) retiraram o cartão do Passe Livre

COMPARTILHAR






Até as 14 horas desta quinta-feira (24), mais de 300 estudantes que tiveram o cadastro para o Passe Livre Estudantil aprovado retiraram o cartão no posto do Transporte Urbano do Distrito Federal (DFTrans) na Rodoviária do Plano Piloto.

Foram agendadas 600 entregas hoje, primeiro dia após a implementação do novo sistema. Pela manhã, uma longa fila se formou no local e o tempo médio para atendimento ultrapassou 30 minutos. A demora ocorreu porque os estudantes precisam assinar um formulário que indica o recebimento do cartão, de acordo com o DFTrans. No entanto, após alguns ajustes, como o preenchimento prévio do questionário por quem estava na fila, o serviço foi normalizado e o tempo médio de espera se estabilizou em 15 minutos.

O DFTrans iniciou o envio de e-mails aos estudantes convocados para a retirada na segunda-feira (21). A expectativa da autarquia é que na próxima semana a média diária de entrega seja de 1,5 mil cartões. O estudante precisa comparecer ao posto da rodoviária no dia agendado. O atendimento ocorrerá de segunda a sexta-feira, exceto feriados, das 7 às 18 horas. Antes, é preciso preencher o cadastro no sitewww.passelivreestudantil.df.gov.br. O aluno que não comparecer no dia marcado deve aguardar novo agendamento, que ocorrerá quando houver vaga.

Recadastramento
O cadastramento e o recadastramento de alunos interessados em obter o Passe Livre Estudantil começou em 1º de março. O processo, obrigatório para todos os estudantes, termina em 1° de abril.

Depois da análise dos dados preenchidos no site, feita por 50 funcionários das empresas prestadoras de serviço de transporte público, o DFTrans informará a situação cadastral ao aluno, por e-mail, em um prazo de até 20 dias úteis.

Esta é a primeira vez em que se faz eletronicamente o cadastramento para o Passe Livre Estudantil. Para completar o registro no novo modelo, é preciso informar o número do cadastro de pessoas físicas (CPF).